Desnutrição: os impactos invisíveis na saúde

4
Amauri Jacintho Baragatti
Amauri Jacintho Baragatti

A desnutrição é um problema de saúde global que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Para Amauri Jacintho Baragatti, isso ocorre quando uma pessoa não recebe os nutrientes necessários para manter seu corpo funcionando de maneira adequada. Embora possa ser causada por uma variedade de fatores, a desnutrição tem consequências graves para a saúde que afetam todas as áreas do corpo.

Uma das consequências mais imediatas da desnutrição é a perda de peso. Quando uma pessoa não obtém calorias suficientes através da alimentação, o corpo começa a queimar suas reservas de gordura para obter energia. Isso leva à perda de peso e pode levar a uma condição chamada caquexia, na qual o corpo começa a quebrar o tecido muscular para obter energia. A caquexia pode ser extremamente debilitante e afetar a capacidade de uma pessoa realizar tarefas diárias simples.

Além da perda de peso, Amauri Jacinto Baragatti pontua que a desnutrição também pode levar a uma série de outros problemas de saúde. Por exemplo, a falta de nutrientes essenciais, como vitaminas e minerais, pode enfraquecer o sistema imunológico, tornando o corpo mais suscetível a infecções e doenças. Isso pode resultar em infecções respiratórias, infecções infecciosas e outras condições de saúde debilitantes.

A desnutrição também pode trazer malefícios ao desenvolvimento físico e cognitivo em crianças. Quando as crianças não recebem os nutrientes de que precisam durante os estágios de crescimento, isso pode levar a retardo no crescimento, atrasos no desenvolvimento e problemas de aprendizado. A desnutrição infantil pode ter efeitos de longo prazo sobre a saúde e o bem-estar das crianças, afetando seu potencial ao longo da vida, explica Amauri Baragatti. 

Além disso, a desnutrição pode afetar a saúde mental das pessoas. A falta de nutrientes essenciais pode levar a mudanças no funcionamento do cérebro e no equilíbrio químico do corpo, o que pode resultar em sintomas de depressão, ansiedade e outros problemas de saúde mental.

Segundo Amauri Jacintho Baragatti, é importante ressaltar que a desnutrição não é um problema exclusivo de países em desenvolvimento. Ela também pode afetar pessoas em países desenvolvidos, muitas vezes devido a fatores como dietas desequilibradas, transtornos alimentares e condições médicas que afetam a atenção de nutrientes.

Para combater a desnutrição, é crucial promover a conscientização sobre a importância de uma alimentação equilibrada e acessível. Também é fundamental prestar apoio às pessoas que estão em risco de desnutrição, seja por meio de programas de assistência alimentar, educação nutricional ou acesso a cuidados médicos adequados.

Em resumo, a desnutrição é um problema de saúde sério que pode ter uma ampla gama de consequências para o corpo humano. Ela afeta não apenas o peso corporal, mas também o funcionamento do sistema imunológico, o desenvolvimento infantil, a saúde mental e muito mais. É um desafio global que exige esforços contínuos para prevenção e tratamento, a fim de melhorar a qualidade de vida das pessoas em todo o mundo.